“Freita Treking”-prova desportiva de montanha – volta, este sábado, à Felgueira, Vale de Cambra

Freita Treking, a prova desportiva de montanha com 35kms de distância e sem carácter competitivo, vai decorrer este sábado na aldeia da Felgueira, em Arões, Vale de Cambra e conta com 200 atletas.

A iniciativa parte da Associação Desportiva e Cultural da Felgueira, que promove mais uma edição do Freita Treking, uma prova desportiva de montanha, com 35kms de distância, sem caráter competitivo.

O percurso proporciona aos atletas a passagem por zonas agrícolas, florestais e serranas, pelo rio Teixeira e seus afluentes, mas também por aldeias, algumas delas desabitadas, como é o caso das Berlengas, Porqueiras e Ribeira do Castanheiro.

José Ferreira, responsável pela Associação lembrou – naquela que foi a apresentação pública do evento, que decorreu na aldeia da Felgueira, Arões, no dia 16 de maio – que esta iniciativa tem como objetivo trazer gente de todo o país a conhecer esta “Aldeia de Portugal”, mas também as suas gentes e costumes.

A ideia nasceu, pela mão de um grupo de atletas e praticantes de montanhismo e pedestrianismo e também apaixonados pelas pela Serra da Freita, pelas suas aldeias e pelas suas gentes, à qual se juntou a Associação Desportiva da Felgueira, numa parceria que já inclui também a Câmara Municipal de Vale de Cambra, as Montanhas Mágicas e a Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal.

“O objetivo desta iniciativa é dar a conhecer a Serra da Freita e as suas aldeias, mas também envolver as populações neste tipo de acontecimentos, proporcionando aos caminheiros o alojamento, a prova da sua gastronomia”, referiu ainda José Ferreira.

O presidente da junta de freguesia de Arões, Arménio Lije considerou esta iniciativa de grande relevância para a freguesia, a mais distante do Município.

“Este tipo de eventos são muito importantes para a freguesia que, apesar de estar envelhecida, continua viva e esta iniciativa é disso um bom exemplo”.

O presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra, José Pinheiro reforçou o papel “relevante” que a Associação da Felgueira tem desenvolvido nesta aldeia, e a importância deste tipo de iniciativas para a valorização deste território.

“Esta é uma aldeia que mantém vivas as suas tradições e as iniciativas aqui desenvolvidas pretendem trazer gente ao nosso território, dar-lhe vida e também às pessoas que aqui vivem”.

A vereadora do desporto, Daniela Silva reforçou a ideia de que a Serra da Freita “é um nome que vende e chama as pessoas de todo o país”.

A Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal esteve representada na apresentação do evento e elogiou esta prova, lembrando que esta já faz parte do calendário desportivo nacional.

“A Serra da Freita tem capacidades maravilhosas para este tipo de eventos, que cada vez traz mais participantes”, afirmou.

……………………………………………………..

O Freita Treking 2018 terá início na aldeia de Felgueira, freguesia de Arões, concelho de Vale de Cambra, a qual faz parte do projeto “Aldeias de Portugal”.

O percurso é de aproximadamente 35 km, podendo os participantes fazer só uma parte com aproximadamente 20 km.

O percurso será marcado com fitas identificadas do evento.

Cada participante faz o percurso ao seu ritmo.

Durante o percurso haverá postos de controlo, cada posto de controlo terá um horário, de abertura e encerramento.

07:00 – Abertura do Secretariado

07:50 – Briefing

08:00 – Inicio do FREITA TREKING

15:00 – Hora limite do Inicio da 2ª Parte

 

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!