Vale de Cambra junta-se a S. Pedro do Sul e Oliveira de Frades para construir Ecotrilho do Teixeira

A Câmara de Vale de Cambra assinou, esta sexta-feira, protocolo com os seus homólogos, os presidentes da câmara de S. Pedro do Sul e Oliveira de Frades, para construir o Ecotrilho do Teixeira, que vai unir os três municípios, ao longo do rio. 

Cristina Maria Santos

José Pinheiro, Vitor Figueiredo e Paulo Ferreira, presidentes das Câmaras de Vale de Cambra, S. Pedro do Sul e Oliveira de Frades, respetivamente, encontraram-se, esta sexta-feira, para assinar o protocolo de elaboração do projeto para a construção de um ecotrilho no rio Teixeira.

O trilho fará a ligação entre estes municípios, ao longo do rio, num percurso que se prevê ter cerca de 10 quilómetros, nas margens do rio Teixeira, na zona de Lafões, partindo de Manhouce, em São Pedro do Sul, passando por Vale de Cambra e vai até Oliveira de Frades.

Os custos do projeto serão repartidos pelos três municípios, mas o investimento será pago em função dos quilómetros que o trilho irá ocupar em cada concelho.

“Quem vai abrir o procedimento é a Câmara de Oliveira de Frades, mas a imputação dos custos do investimento será feita em proporção à área que este trilho irá ocupar em cada concelho. Se nós tivermos dois quilómetros, pagamos dois quilómetros, por exemplo”, revelou o presidente da Câmara de Vale de Cambra, em declarações ao jornal Voz de Cambra.

José Pinheiro disse que os três municípios estão empenhados na construção deste projeto, sendo um ponto de interesse turístico na região e sublinhou a importância do projeto para Vale de Cambra.

“Será um ponto estratégico para a dinamização e desenvolvimento turísticos do interior do nosso concelho, principalmente, para lugares como Ervedoso, Casal Velide, Cabeço Velide, Paraduça”.

O presidente da Câmara adiantou mesmo que, Paraduça, é, inclusive, uma aldeia que pode beneficiar com esta obra se, posteriormente, se encontrar ligações ao percurso pedestre que passa por este lugar.

Os três autarcas já se tinham encontrado anteriormente para chegarem a um acordo, que, entretanto, ficou adiado, mas, agora, a união voltou a estabelecer-se.

A cerimónia de assinatura do acordo teve lugar na junta de freguesia de São João da Serra, Oliveira de Frades, onde ficou patente a intenção dos três municípios em fazer deste trilho, uma atração turística na região.

 

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Content is protected !!