Levantada interdição a banhos em duas das três praias fluviais de Vale de Cambra 

A interdição a banhos em duas das três praias de Vale de Cambra foi, este fim de semana levantada, depois de as autoridades terem proibido a prática balnear, a 10 de julho, devido à presença de Salmonella, informou a autarquia. 

No inicio do mês de julho, as autoridades proibiram a entrada no rio das praias fluviais de Burgães, Paço de Mato e Pontemieiro e levantaram, este fim de semana, a interdição na de Paço de Mato, em Rôge e na de Pontemieiro, em Junqueira.

A determinação veio, no início do mês, da Delegação de Saúde Regional do Norte, depois de ter sido detetada a presença da bactéria Salmonella nas duas análises feitas à água das três praias fluviais de Vale de Cambra.

Em comunicado, a Câmara de Vale de Cambra, adianta que os resultados das análises à água das praias fluviais de Paço de Mato e Pontemieiro, efetuadas pela USP Aveiro Norte, conhecidos esta sexta-feira revelam que foram obtidos dois resultados analíticos consecutivos nos quais não se verificou a presença de Salmonella, pelo que ambas as praias se encontram aptas para banhos. 

Mantêm-se, no entanto, interdita a prática balnear na Praia Fluvial de Burgães. 

A autarquia adianta que, durante a próxima semana, a USP Aveiro Norte vai efetuar nova amostragem nesta praia e revela que, apesar da presença desta bactéria, os parâmetros microbiológicos monitorizados pela APA na Praia Fluvial de Burgães têm revelado valores baixos ao longo desta época balnear, classificando esta água de excelente qualidade.

Deixe uma resposta