Festas de Santo António regressaram a Vale de Cambra para juntar milhares de pessoas

Após dois anos de confinamento, as festas de Santo António trouxeram para as ruas da cidade de Vale de Cambra milhares de pessoas que, entre o dia 9 e 13 de junho, quiseram fazer parte das festas do Município. Uma os pontos altos do evento foram as Marchas Populares que voltaram com 470 marchantes. 

As Marchas Populares sairam à rua no dia 12 de junho com quatro instituições a participar: a Fundação Luiz Bernardo de Almeida; a Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra; a ACREC e o Centro Social e Paroquial de São Pedro de Castelões. 225 adultos e 245 crianças voltaram a consolidar a tradição e a cultura do povo valecambrense ao desfilar para milhares de espectadores. A noite terminou com fogo de artificio e o baile.

A vertente religiosa das Festas do Município decorreu no dia 13 de junho, dia de Santo António, padroeiro de Vale de Cambra, com a procissão que se seguiu à eucaristia.

A música esteve também presente neste evento, com os concertos que ocorreram na Praça Comendador Álvaro Pinho da Costa Leite e levaram ao palco: Ricardo Azevedo, Quim Barreiros, David Carreira e Sílvia Lages. 

As festas ficaram ainda marcadas pela realização do 12.ºEncontro Nacional de Veículos Antigos, organizado pelo Clube Kreidler de Portugal, que reuniu perto de 200 automóveis, assim como vários, eventos culturais como: o Encontro Intergeracional “À conversa com Santo António”, na Biblioteca Municipal; a exposição ao ar livre intitulada “Símbolos da Fé Antoniana”; a mostra relativa às Bandas Filarmónicas do Concelho, denominada de “Filarmonia Cambrense”, no Museu Municipal. 

A Sociedade Artística da Banda de Vale de Cambra e a Banda Musical Flor da Mocidade Junqueirense, encerraram as Festas do Município e de Santo António, desfilaram pelo centro da cidade e actuaram em conjunto num concerto.

As Festas foram organizadas pela Câmara de Vale de Cambra que, este ano, preparou um “Espaço Jovem”, com iniciativas dedicadas especificamente ao público jovem, com atividades tais como: espetáculo de magia, sunsets com música, concertos, dança, oficinas de pintura e de alimentação vegetariana e, inclusive, stand up comedy.

Para o presidente da Câmara de Vale de Cambra, José Pinheiro, estas Festas regressaram a Vale de Cambra “da melhor forma”. 

“Foram dias magníficos que nos alegraram, em que as pessoas puderam sair à rua, e reviver intensamente esta retoma das Festas com a tradição, com as Marchas Populares, com os concertos, com a majestosa procissão, e no fundo, com toda a animação e alegria que este evento proporciona”, referiu. 

José Pinheiro mostra-se especialmente satisfeito com o grande número de pessoas que assistiu aos eventos nestes dias. 

“Particularmente estou muito satisfeito com os dias que vivemos e com a estrondosa massa humana como há muito não se via na nossa cidade”, destacou o edil. 

Deixe uma resposta