Há 51 casos de COVID-19 na Fundação Luiz Bernardo de Almeida

Subiu hoje para 51, o número de infetados com a COVID-19, na Fundação Luiz Bernardo de Almeida, em Vale de Cambra. Ontem dávamos conta de 39 pessoas infetadas com o novo coronavírus nesta Instituição e hoje, com a chegada dos restantes resultados dos testes, foram diagnosticados mais 12 casos positivos.

Pelo menos oito utentes do lar permanecem internados no Hospital de S. Sebastião em Santa Maria da Feira, alguns deles deram negativo ao teste de despistagem à doença.  

Depois de realizados testes de rastreio ao novo coronavírus aos 80 utentes da Instituição, a Fundação Luiz Bernardo de Almeida conta agora com 51 casos positivos, a juntar ao óbito de uma utente de 89 anos já anunciado na sexta-feira.

Em declarações ao Voz de Cambra, José Carlos Coelho, diretor da Instituição de Solidariedade Social (IPSS) lamentou o elevado número de casos e assegurou que estão reunidas todas as condições para o isolamento profilático dos seus utentes.

A Fundação prepara-se também para, amanhã, quarta-feira bloquear uma das alas do edifício do lar para proceder à sua descontaminação por uma equipa especializada.

“Amanhã, contamos com as autoridades da proteção civil para fazer a higienização do Lar e podermos transferir os utentes que deram resultados negativos – e que já se encontram em isolamento – para esta zona já devidamente desinfetada”, adiantou hoje José Carlos Coelho.

“Vai ser feita uma divisória interna no edifício, com equipas distintas com acessos diferenciados e refeitórios diferentes”, acrescentou ainda.

Contando com um quadro de cerca de 40 funcionários, José Carlos Coelho – que já tinha anteriormente tomado providências de isolamento domiciliário preventivo, intercalando equipas – garante poder contar com um grupo de profissionais para prestar os cuidados necessários aos utentes.

“Contamos com uma equipa de profissionais incansável que tudo fará para prestar os melhores cuidados aos utentes”, declarou o diretor do lar.

O presidente da Câmara de Vale de Cambra, José Pinheiro referiu-se, ontem ao caso concreto do lar de idosos da Fundação para dizer que esta Instituição está a desenvolver todos os esforços para conter a propagação do vírus e que conta com “total cooperação do Município de Vale de Cambra, que deixa ao seu dispor todos os meios que tem ao nosso alcance”, assegurou.

Deixe uma resposta