Idoso detido em Vale de Cambra por violação do confinamento obrigatório

Um idoso de 81 anos foi detido pela Guarda Nacional Republicana (GNR) de Vale de Cambra, no dia 23 de fevereiro, no lugar de Moradal, em Vila Chã, por violação do confinamento obrigatório.

O homem, que tinha o dever de estar confinado, no âmbito da pandemia de COVID-19, foi encontrado pela GNR a circular na rua.

Foi no decorrer de uma ação de policiamento para a verificação do dever de confinamento obrigatório, que os militares da Guarda constataram que o visado se tinha ausentado do domicílio. Após diligências policiais, o suspeito foi localizado a circular na via pública, tendo sido detido.

O idoso foi constituído arguido e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Vale de Cambra.

A GNR lembra em nota enviada às redações, que “ficam em confinamento obrigatório, em estabelecimento de saúde, no respetivo domicílio ou noutro local definido pelas autoridades de saúde, todos os doentes com COVID-19, os infetados com SARS-CoV-2, e os cidadãos relativamente a quem a autoridade de saúde ou outros profissionais de saúde tenham determinado vigilância ativa”.

E acrescenta que, “a violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência”.

Deixe uma resposta